Como Gravar um EP - Banda The Course produz seu primeiro material em Casa

O desejo de toda banda e de músicos autorais é de gravar um EP, e neste texto vamos mostrar um exemplo do trabalho da Banda The Course, da cidade de São Carlos, que gravou suas músicas em casa, mas com muita qualidade no áudio.



A banda do interior paulista foi formada no final do ano de 2019, pelos músicos: Pablo (guitarra e voz), Pedro (guitarra e voz), Thales (Baixo e voz) e Richard (bateria), que se reuniram na Universidade (UFSCar), todos cursando música.


Thales conta que os demais integrantes já formavam a banda, mas ainda com um projeto embrionário e ao conversar com o Richard, foi questionado: "Mas é uma banda séria, ou banda de brincadeira?" e então percebeu pela pergunta de que a banda poderia ser um projeto que vingasse profissionalmente.


Antes da Gravação do EP, que colocarei o link aqui para vocês conferirem, a banda fez o primeiro ensaio e contaram que por gostarem do mesmo estilo de música, por escutarem bandas de rock parecidas, eles tinham um repertório individual muito semelhante e conseguiram tocar 10 músicas logo no primeiro encontro.


Mesmo que as semelhanças existam, cada um trouxe uma ideia diferente para as gravações e para as músicas que vocês podem escutar clicando aqui. O primeiro EP conta com 5 canções: "Like a Beautiful Lie", "Good Enought", "Happy Without Being Afraid", "She" e "Outside The Cage".



Para quem acompanha o Shuffle e procura aprender sobre produção musical, todas as músicas foram feitas na casa do Thales, e a banda aos poucos foi adquirindo novos equipamentos para gravar as músicas em um quarto. O resultado sonoro das gravações estão excelentes, o processo de captação, edição, mixagem e masterização foi feito através do software Reaper, uma daw de gravação. A banda conta que as harmonias, melodias e o som da música eram feitos em grupo, com sugestões, em seguida as letras foram encaixadas a partir de composições do Thales, que disse: "As letras são em inglês, mas é porquê eu consigo compor e me sinto mais confortável para rimar as estrofes."


A banda por ter surgido na cena do rock autoral ano passado teve pouco tempo para tocar em eventos presenciais, mas deixou a marca nas redes sociais, pelo Instagram da The Course, realizando lives e compartilhando material musical. Mostrou para músicos que é possível gastar pouco para produzir e conseguir se divulgar de maneira online.


Ao ouvir a música, é possível perceber influências de algumas bandas de rock nacional, e bandas estrangeiras como "Maroon 5" e "Foo Fighters". Pablo, guitarrista da banda, contou também que para as músicas, ele trouxe influências de Hard Rock e de música brasileira.


A banda contou ainda que vem projeto novo por ai, um CD diferente do EP, (alerta de spoiler: com 4 músicas já definidas) com novidades e que segundo eles, com mais canções novas e que não tem ainda data definida, pois querem "trabalhar nos detalhes e fazer o melhor possível, sem pressa", como relataram. Também disseram que ao escutar as músicas do mercado, perceberam que podem evoluir para os próximos singles, o que mostra a evolução esperada, mesmo em tão pouco tempo.


Convido vocês a escutarem a Banda no spotify, seguir a conta oficial no Instagram e curtir a página deles no Facebook. Aguardem as Novidades.



Siga o Shuffle nas redes:

- Canal do Youtube

- Instagram

- Facebook